Espaço Mulher e Arena Kids: atrações para mães e filhos no Shimano Fest

São Paulo (SP) – Não serão apenas os profissionais do setor que terão motivos de sobra para ir ao Shimano Fest, entre 14 e 17 deste mês, no Jockey Club de São Paulo, para conhecer de perto as novidades do mercado e fazer negócios. Nos dias abertos ao público, sábado e domingo (16 e 17), atrações para todos os gostos estão programadas nas diversas áreas do maior festival de bike da América Latina. A Arena Kids, por exemplo, terá inúmeras atividades para os pequenos, desde os que estão aprendendo a pedalar, no tira-rodinhas, até os mais velhos, que poderão divertir-se na pista de pump track. E, enquanto os pequenos se divertem, as mães podem interagir no Espaço Mulher, com sessões de massagens, pilates, palestras e cursos práticos de oficina mecânica.

“Esse é o Shimano Fest, um evento para todos os públicos e todas as idades e, o melhor, com entrada gratuita, seja para os dias exclusivos dos profissionais do mercado, ou para o fim de semana, quando convidamos o público em geral para conhecer tudo a respeito do ciclismo”, destaca Rogerio Tancredi, gerente comercial e de marketing da Shimano Latin America. “A Arena Kids é uma tradição desde as primeiras edições e sempre faz sucesso com a criançada, se divertindo o tempo inteiro. Já o Espaço Mulher foi uma ideia que veio crescendo e, desde 2016, temos uma área exclusiva para as mulheres. Assim, o festival torna-se uma ótima opção de entretenimento e lazer para toda a família”, completa.

A principal novidade na Arena Kids será o Shimaninho, uma disputa inédita e recreativa de bicicleta sem pedal (Balance Bike) em parceria com a empresa Nathor Bicicletas, sábado e domingo, entre às 13h e 14h, valendo prêmios e medalhas para os pequenos. Sucesso em todas as edições com a criançada, o tira-rodinhas, um dos momentos mais importantes para os pequenos aprenderem a andar de bicicletas sem rodinhas. O Circuito pump track é diversão garantida para a criançada mais expert na bike, com um traçado que simula uma pista de BMX com rampas, elevações e curvas, onde a criança começa a pedalar e depois vai apenas no embalo. Outra competição, o ‘Desafio sem Corrente’, onde os participantes competem em bicicletas sem corrente, promete animar a garotada nos dois dias de evento.

“O pump track simula os obstáculos do bicicross e nele a ideia é incentivar crianças a partir de 2 anos de idade a praticar o esporte em todas as suas vertentes. Sou atleta e sei que dar o incentivo à nova geração, é muito importante no desenvolvimento delas. O Balance Bike é bem interessante nesse processo e também ajuda a criançada a começar a pedalar, com uma competição saudável e divertida, onde todos irão ganhar medalhas. E, o tira-rodinhas, não indico só para crianças, mas também para os adultos. Temos um projeto que chama ‘Nunca é tarde para aprender a pedalar’ e muitas pessoas participam e descobrem o prazer de pedalar”, conta Evandro Índio, organizador da arena kids no evento, da SP Hawks.

Também está confirmada a escolinha de bike, com execução da empresa Tembici e com patrocínio do Banco Itaú, um projeto que consiste em estimular, desde cedo, as crianças como cidadãos responsáveis no trânsito, exercendo os diversos papéis que podem ocupar no dia a dia das cidades: pedestres, ciclistas ou motoristas.

Espaço Mulher – Não apenas no Brasil e na América Latina, mas também em diversos países de diferentes continentes, a quantidade de mulheres praticando o ciclismo cresce rapidamente. No Shimano Fest termos uma área dedicada ao público feminino, com diversas atrações. No sábado, das 13h às 18h30, e no domingo, das 11h às 17h, a área de massagens estará aberta, com sorteios para quem participar do ciclo de palestras que vai acontecer no espaço. Também haverá pilates nos dois dias, às 17h e 11h, respectivamente, e a Oficina Mecânica com Magda Oliveira, em ambas as datas, às 15h.

No sábado estão previstas cinco palestras: Dr. Weslei Lima – Como evitar lesões articulares, às 11h; Sandra Kawasaki – Minha história na Rio 2016, às 12h; Adriana Vojvodic (Canela CC) – Pedalar na estrada: como começar?, às 13h; Helen Cardoso – Cicloturismo Austrália e Nova Zelândia, às 14h; e Erico Caperuto – Fisiologia do Esporte, às 18h. Além da palestra com Sandra Kawasaki, que se repetirá no domingo, às 12h, haverá ainda o Ciclismo na saúde íntima da mulher, com a Dra. Mirian Kracochansky além da ciclista e fotógrafa Cacá Strina falando de sua cicloviagem pela Legendária Rota 66 nos Estados Unidos, sábado às 18h.

Share this post